Sunday, June 21, 2009

Nudez

Pra que tanta luz se somente no escuro é que nos encontramos, não entendo todos os sons pois somente no silêncio consigo me escutar. Tenho pensado que a vida foi generosa comigo, porém a tal generosidade me custou cara. A vida aceitou realizar meus sonhos, mas em troca tomou a minha ignorância. Se ninguém tivesse se vestido, quem saberia o que é Nudez?
Não venha com falsos julgamentos, todos sabemos do preço. Se não sabes ainda, corra para não descobrir, se esconda atrás de um bom salário e siga a vida dentro dos limites. Melhor ser realizado com um carro, casa e acessórios do que ser um infeliz sem sonho. Esteja sempre seguro, nunca se influêncie pela Atena ou Minerva, seja lá de onde for.
Acredito que a vida seja mais do que isso, porém não sei mais no que acreditar. Mesmo alguns quilometros ao norte o vento continua a esfriar bem como a aquecer o sol responsável és. Nada muda, esteja onde for você sempre será você, e de cima do seu corpo enxergará o caminho adentrado. Torça para que este caminho sempre te mantenha no trilho, pois fora dele nunca sabemos onde vamos parar.
Mais fácil seria saber onde se quer chegar, acontece que uma vez cruzadas as portas o novo local já passa a ser o velho. O ímpeto do mais se faz presente demonstrando tudo que está adiante à cruza, numa busca implacável que se sabe o ínicio, mas o final parece não terminar.
Se pudesse trocar? Não sei. Viver como um cauto dentro dos trilho? Talvez fizesse sentindo no final, mas estamos aqui de passagem e hoje sei que o final é apenas o ínicio.

Thursday, April 23, 2009

As bolhas econômicas, o capitalismo essêncialmente puro e as oportunidades de mercado - Parte I

Olá a todos...



Já quero esclarecer a todos que este post vai expor um ponto de vista extremamente particular, e fortemente recomendo que aqueles que não estiverem de acordo com as idéias atirem as pedras, eu não hei de pensar que todo o céu é azul, logo não espero que todos concordem com o meu ponto de vista, e digo mais, muito saluto aqueles que não compartilham dos mesmos princípios.


Ao longo da história da econômia podemos verificar que igualmente a um Ecocardiograma o mercado vive de picos altos e baixos, o que vem a me aliviar, pois aprendemos no último capítulo do E.R (Plantão Médico) que quando a linha do Eco não sofre mais oscilação o paciente esta morto.


Da mesma maneira que nós seres humanos, a econômia esta viva e pulsante, o que não há de surpreender o mais vívido leitor, pois como sabemos quem constroi, regula e destrói a econômia somos nós, e todas as nossas emoções relacionadas ao dinheiro.
Um velho ditado já dizia, "quer conhecer um homem, de dinheiro e poder para o mesmo", todos os seres humanos são ambiciosos na essência, o que não podemos julgar e muito menos achar negativo pois foi graças a essa ambição que chegamos a esse ponto da evolução. Um dia lá atrás os nossos antepassados decidiram começar a explorar a natureza e animais, deixando de ser nomades.
Através deste sistema as sociedades começaram a se formar, as diferenças foram acentuadas e com tempo, porque não explorar o próximo. Porque não colocar os mais fracos para fazer o trabalho necessário para fortalecer e enriquecer o sistema já vencedor?
E assim foi, vários exemplos foram demonstrados através da história, talvez o mais gritante e cruel tenha sido o sistema escravista. Onde na realidade, os Negros dominantes da África vendia os Negros das tribos dominadas. E desta maneira começamos o nosso sistema capitalismo.
Os anos foram passando, os sistemas sedimentando e os modelos econômicos se fortalencendo. Estes modelos ao longo dos anos começaram a demonstrar o tamanho da ganância dos seres humanos, todos querem tirar uma fatia do queijo, todos querem um fatia do bolo. Porém, quanto mais uma pessoa ganha mais ela deseja, e o único jeito de conseguir mais de uma fatia deste bolo é através da exploração do próximo.

Wednesday, April 22, 2009

Imposto de Renda, realmente necessário?

Em mais um dia na sala da justiça, ou melhor, no laboratório de biologia celular (sempre bem acompanhado pelas Bactérias e Leveduras) tendo através dos meus superpoderes (pois só desta maneira para conseguir fazer a declaração do IRPF) decifrar os símbolos sagrados do Santíssimo IRPF2009. Sei que pode parecer brincadeira porém não é, quem é obrigado a fazer a declaração sabe bem do que eu estou falando (e pode ter certeza que o enigma só tende a expandir conforme as variáveis que são acresidas, como movimentação através de day trade e opções sabem bem do que estou falando).

Eu sempre fiquei maravilhado como os sentimentos são sazonais, e como nós somos influênciados pelas emoções que nos cercam. Por exemplo época de carnaval, antes mesmo de chegar a semana do carnaval todos já estão eufóricos, esperando avidamente por momentos de curtição. Bom, como eu não comparilho da mesma opinião em relação ao carnaval vou me dar ao direito de descrever um outro sentimento sazonal.
Sempre no mês de abril eu me sinto estranho, uma certa ansiedade em conseguir um monte de papéis que serão utilizados, eu sinto que não sou o único a ter tal sensação vez que vários sites e revistas abordam o assunto. Sim, todo mês de abril eu penso que seria melhor não receber salário e ainda mais, que bolsa de valores não é um negócio tão bom assim (mesmo quando ela não para de aumentar, o que claramente não foi o visto neste último outono). E este sentimento nasce do fato de que, uma vez que você recebeu um salário e/ou foi ambicioso nas suas finanças terás que preencher a declaração IRPF. Depois do preenchimento, com toda a cautela e zelo, você ainda precisa pagar o imposto, e neste momento encontramos a segunda maratona, pois temos que baixar outro programa para gerar um DARF para ser pago nas agências bancárias.
Isso tudo demanda tempo e claro dinheiro, atualmente morando no Canadá começo a ter uma impressão diferente de impostos, e não reclamo mais em pagar os mesmos, entretanto aqui os serviços públicos funcionam, e por tal fato acredito que meu dinheiro esteja sendo gasto de forma honesta e correta. Agora quando pago o meu IRPF no Brasil e abro as revistas e jornais, devo ser honesto em dizer que me sinto roubado e com meus direitos alienados, pois o dinheiro que recebi trabalhando honestamente vai ser direcionado para alguns deputados, senadores, veradores e ainda todos os/as seus/suas acompanhantes nas suas belas viagens para o exterior. E que os convidados não se preocupem, pois a tapioca é por conta do cartão de crédito corporativa.
É pra isso que pago imposto? Infelizmente, ao que tudo indica sim, pois quando fui no Hospital das Clínicas (e é bom deixar claro aqui que este é referência na América Latina) para tirar uma radiografia após um tombo de moto qual não foi a minha surpresa em saber que não tinha ninguém operando as máquinas, aliás a máquina pois uma das duas estava quebrada.
Bom, por hoje é só pois ainda tenho que acabar a minha declaração....

Tuesday, April 21, 2009

E o Diego esta de volta....

Olá todos...

Depois de um longo e tenebroso inverno (apesar do sentindo figurado, não hão de esquecer que o inverno não foi sereno por estes quintais) estou de volta a cá, neste recanto, meio empoeirado e esquecido porém cheio de força e energia positiva.

Para quem não reparou a minha ausência ai vai a prova, do quão relapso és tu com a minha pessoa. Porém hoje os humores vão por bem, pois acabo de consertar o meu computador, instrumento o qual não conseguiria mais viver, apesar de ter ficado apenas duas semanas sem a minha máquina reparei na falta que a mesma faz. Acho tal fato tão impressionante que em breve farei um relato, mesmo que parvo e nada ancho, sobre como os Computadores Pessoais (PC para os americanizados) mudaram a rotina e a vida das pessoas.
Bom, a primeira das mazelas já foi chorada agora vamos derramar o leite da bezerra, da pobre e magricela bezerra, aquele leite ordenhado no derradeiro momento, aquele que veio ao ar sem mais cuidados, e foi derramado num pote de despojos. Pobre bezerra, impuro leite, quem sabe não foi melhor que se caísse pela terra e fosse encontrar lá no fundo, um leito calmo e sereno para descansar.
Porém de leite é bezerra não é que vive o meu problema, ou melhor, finado problema. O Leão, felino grande e feroz que demonstra toda a voracidade da qual são munidos os trabalhadores da receita federal, portanto que seja, depois de duas semanas estudando o que declarar e o que não declarar, consegui chegar a conclusão final. E amanhã eu hei de sangrar um pouco, mas como na velha medicina já se sabia, a sangria as vezes do mal é o menor.
Abraços a todos...
PS: Se você não ultrapassou o limete de R$20.000,00 de vendas de ações em um mês, não esquente a cabeça feito eu. Apenas vá no programa do imposto de renda, entre na seção das rendas variáveis e aperte a tecla F1. Logo verás que não precisarás declarar a sua movimentação financeira.

Thursday, April 9, 2009

E o mundo esta escrito no céu....

Eu li essa matéria num site que eu considero sério, Infomoney, impressionante o que o desespero do investidor pode fazer...

Vale a pena ler...

Cosmoanálise ou astrologia: opção ao investidor em tempos de incerteza?

Por: Patricia Alves
09/04/09 - 18h31
InfoMoney


SÃO PAULO - Emocional ou racional? Embora tido como adepto dos números e do que é palpável, o investidor, na hora de tomar decisões financeiras, acaba sendo influenciado pelas emoções, sobretudo em tempos de incerteza. Com isso, passa a buscar alternativas aos gráficos e fundamentos para definir o futuro de suas aplicações.

E, em se tratando de caminhos alternativos, você já ouviu falar em cosmoanálise? E em astrologia empresarial?

"Com a crise, as pessoas estão procurando outras opções de informação com relação aos seus investimentos", afirmou Hanna Opitz, cosmoanalista do mercado financeiro há mais de 20 anos.

"Aumentou o interesse das pessoas por formas alternativas de análise do mercado. No momento de crise, é comum as pessoas buscarem uma visão das coisas que não seja a tradicional, objetiva", explica Maurício Bernis, astrólogo empresarial, também há mais de 20 anos no mercado.

Escrito nas estrelas?
De acordo com o Ministério do Trabalho e Empregos, os cosmoanalistas "orientam pessoas, organizações privadas ou públicas; fazem previsões com base na interpretação de configurações astrológicas ou numerológicas. Pesquisam e elegem momentos e locais precisos para diversos objetivos. Podem ministrar cursos, dar consultoria e atuar nos meios de comunicação".

Segundo Hanna, "através da cosmoanálise do mercado financeiro, é possível prever picos de alta e baixa de moedas, picos e dia a dia de bolsas de valores, além do comportamento de todas as ações da bolsa. O cálculo é baseado nos ciclos e movimento dos astros, em matemática e geometria analítica. Cosmoanálise financeira pode ser feita a curto ou longo prazo e é uma ferramenta a mais para a tomada de decisões de investidores".

Por definição, a astrologia empresarial, segundo o astrólogo Maurício Bernis, "cuida da vida das empresas nos seus variados aspectos, sugerindo, por exemplo, o momento certo para abertura de um negócio, a análise da atuação no mercado com sugestões acerca da hora mais adequada para lançar produtos, na elaboração de eventos promocionais, investimentos e, ainda, mudanças na administração e até mesmo na contratação de pessoal".

Para Bernis, essa área da astrologia auxilia (tanto pessoas físicas como jurídicas) na tomada de decisões nos negócios, seja no planejamento, na área de negócios propriamente dita ou na área financeira.

Investidor em busca de respostas
Segundo Hanna, a principal pergunta do investidor atualmente é: quando essa crise vai acabar? Para a especialista, "o mapa astral do Brasil indica excelentes oportunidades para que saiamos fortalecidos da crise, deixando de ser o País do futuro para ser uma das grandes potências mundiais", afirmou. "Se o Brasil fizer a lição de casa, a colheita virá a partir de 16 de setembro de 2011", projetou.

A cosmoanalista traçou, para o portal InfoMoney, algumas projeções para os próximos dois meses. Confira... E, depois, tire a prova:
14 de abril
"Bolsa sobe (previsão baseada em outro tipo de cálculo e funciona 80% das vezes)"

23 de abril
" Sucesso de repente. Lucro inesperado na Bolsa. O Real melhora por alguns dias."

29 de abril
"Uma multinacional de peso fecha as portas. Repercussão no mundo".

Últimos dias de maio
"Podemos esperar muita confusão e desistências a nível mundial nos últimos dias de maio deste ano. Para o Brasil, pode significar sérios problemas no abastecimento de gás. Existe a possibilidade de uma sociedade, um contrato, ser desfeito nestes dias".

02 de junho
"Apesar da confusão, Bolsa sobe nesse dia (previsão baseada em outro tipo de cálculo e funciona 80% das vezes)".

Fonte: Infomoney

Vamos ver se as previsões vão funcionar...

Wednesday, April 8, 2009

E o mundo mostra as diferenças....

Olá a todos...

Hoje me divertindo no YouTube encontrei um filme, na verdade um comercial, que demonstra exatamente o que eu sinto quando eu olho pela janeja, e súbitamente troco a visão da janela pela tela do meu computador. Bom, vamos ao filme....










A foto que esta na tela do meu computador é essa aqui, podem me chamar de masoquista mas só de poder olhar para a praia e ver que o mundo não é feito só de branco já me da alguma esperança






Para finalizar eu vou colocar aqui uma foto que recebi de uma colega do laboratório, nessa foto esta expressa todo o amor dos Edmontonianos (Nativos heim) pela estação mais agradável do ano.


Bom pessoal.... Por hoje é só....

Monday, April 6, 2009

E o mundo gira.

Ola todos.
Segundona e eu com um tempo livre, logo vamos lá fazer um post. Mas e assunto tem? Opa essa semana passada aconteceu uma coisa inédita. E agora, nós Brasileiros podemos afirmar com toda a convicção. O mundo gira.
Semana passada em Londres, aconteceram fatos que normalmente chamariam a atenção de qualquer Brasileiro, mas partindo de quem partiu é mais louvável de aplausos. Como todos devem ter escutado, durante a semana passada aconteceu a reunião do G-20 em Londres, e durante esta reunião, o nosso presidente da Replública disse que pela primeira vez na história o Brasil vai "emprestar alguns reais" para o FMI. Essa notícia é sensacional, pensar que no meio de uma crise com dimensões comparaveis ao Crash de 29 (segundo alguns analistas) na visão dos mais pessimistas, o Brasil não só conseguiu sair sem grandes problemas, mas também conseguiu entrar para o grupo de credores do FMI.
Isso demonstra que a política econômica iniciada pelo Itamar Franco, totalmente aplicada pelo Fernando Henrique Cardoso e sabiamente seguida pelo Lula fortaleceu a economia do país a ponto de trazer o nosso país aos holofotes mundiais.
Apesar de não ser tão velho assim, muito me admira pensar num curto horizonte de tempo e relembrar o Lula, com a camisa branca e surrada carregando faixas contra o FMI (sim, eu só vi através fotos), e agora o mesmo, no seu terno Ermenegildo Zegna assinando com a sua caneta Mont Blanc um empréstimo ao mesmo inimigo de alguns anos atrás.
Pois é, o mundo gira e o Cara (segundo o Obama, que no meu ponto de vista é o cara pois somente em direitos autorais acumulou 8 bilhões de dolares nos últimos 3 anos) agora esta mostrando que quando o assunto é enomia de um país, o melhor caminho a seguir é o da continuidade.
Abraços a todos....
Escutando -> O meu estômago me avisando que eu estou com fome....